Notícias Sindicais2019-02-17T23:58:29+00:00

Além dos servidores técnico adminstrativos, em greve desde 15 de junho, agora os professores da Universidade Federal do Paraná (UFPR) também podem entrar em greve. A categoria faz assembleia nesta quinta-feira (4), às 16h30, no auditório da administração do Centro Politécnico, em Curitiba, para discutir a deflagração de uma greve nacional de docentes das universidades federais. Depois, a decisão da assembleia local será levada para uma reunião marcada para o próximo sábado (6) e domingo (7), em Brasília, com representantes dos setores das universidades federais de todo o país. Segundo o secretário-geral da Associação dos Professores da Universidade Federal do Paraná (Apufpr), Rogério Miranda Gomes, dependendo das avaliações a serem feitas na reunião, a Associação Nacional dos Docentes do Ensino Superior (Andes) deverá aprovar um indicativo de greve. O indicativo, se aprovado, deverá ser avaliado pelas universidades federais do país para a deflagração de greve. Os professores são contra ...

  A Associação dos Professores da Universidade Federal do Paraná (APUFPR-SSind) realizará Assembleia Geral Extraordinária nesta quinta-feira (4), às 16h30, para debater com os professores da instituição a possibilidade de construção da greve nacional da categoria docente. O evento ocorre no Auditório da Administração, localizado no Centro Politécnico. A 56.ª edição do Conselho Nacional das Associações Docentes (Conad) do Andes-Sindicato Nacional, realizado entre os dias 14 e 17 de julho, indicou a construção da greve nacional dos docentes nas universidades federais e a realização de assembleia locais por todo o país durante a primeira semana de agosto. Os servidores técnico-administrativos de mais de 40 Instituições federais de ensino superior estão em greve desde o início de junho. Na UFPR, o início das aulas foi adiado em uma semana por deliberação do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão. Para a APUFPR-SSind, o debate sobre a possível construção de uma greve nacional entre os docentes é ...

  Os três mil professores da Universidade Federal do Paraná podem entrar em greve ainda neste mês. A categoria se reúne em assembléia amanhã para decidir se os trabalhadores do estado vão cruzar os braços. No fim de semana, será realizado um encontro nacional para confirmar ou não a greve. Segundo o secretário geral da Associação dos Professores da Federal, Rogério Gomes, as reivindicações são semelhantes as dos servidores federais: aumento de salário e melhores condições de trabalho. Confira áudio: http://blogdajoice.com/joice/?p=43721 Gomes garante que a possibilidade de greve é grande. Confira áudio: http://blogdajoice.com/joice/?p=43721 A assembléia será realizada às 16h30, desta quinta-feira, no Auditório da Administração, no Centro Politécnico. Hoje os servidores federais se reuniram com o conselho universitário Federal, para discutir a greve. Como não houve acordo, a paralisação continua e por enquanto, as aulas serão retomadas na próxima segunda-feira.   Fonte: Blog da Joice    ...

A APUFPR informa que o convênio com a Amil sofreu reajuste de 12%. A proposta inicial da Amil era um reajuste de 15%, entretanto, após intensa negociação por parte da APUFPR, a porcentagem foi reduzida. O reajuste é baseado no Índice Geral de Preços do Mercado dos doze meses desde o último reajuste. Os novos valores são válidos a partir do dia 1º de agosto de 2011. Confira aqui a nova tabela de mensalidades da Amil. ...

Docente, compareça e dê sua opinião a respeito desse momento crítico que a universidade e a nossa categoria atravessam Na quinta-feira dia 04 de agosto está marcada a assembleia extraordinária dos professores da Universidade Federal do Paraná (UFPR), que tem como pauta principal a discussão sobre a construção de uma greve nacional de docentes para o segundo semestre. O evento acontece no auditório da Administração, no Centro Politécnico, às 16h30. De acordo com o presidente da APUFPR-SSind, Luis Allan Künzle, a discussão sobre a greve é necessária frente à intransigência do governo em afirmar que não concederá reajuste salarial aos servidores públicos. “A proposta orçamentária para 2012, que deve ser enviada até 31 de agosto deste ano, não apresenta nenhum reajuste salarial para mais de 90% dos docentes pelo segundo ano consecutivo”, afirma Künzle. Para a diretoria da Associação dos Professores outros fatores devem ser avaliados para a construção ...

A partir do mês de agosto a Associação dos Professores da UFPR reabre o Bar Doce Bar com grandes inovações. A proposta faz parte de um projeto cultural que trará diversas atividades diferenciadas para os associados e familiares com o objetivo de confraternizar e aproximar os docentes da entidade. Para a diretora de esportes da entidade, Maria Gisele dos Santos, as músicas ao vivo e as festas temáticas serão mantidas na proposta da nova diretoria, mas trazem novidades. “O objetivo da diretoria é criar espaços inovadores e de lazer dentro da APUFPR-SSind, que hoje tem um caráter associativo e sindical. Para isso estamos trazendo atividades diferenciadas como o clube de idiomas de inglês, de alemão e de francês”, comenta Santos. Todas as atividades programadas para o Bar serão iniciadas às 18 horas e são gratuitas. Para participar não são necessários inscrições ou reservas. Santos conta ainda que outra novidade do Bar ...

A diretoria da APUFPR-SSind informa que as carteirinhas da UNIMED devem ser retiradas, pelos docentes filiados, na sede da entidade. É fundamental que os docentes fiquem atentos à data de vencimento das carteirinhas, que está impresso no verso da mesma. ...

Calendário escolar pode ser retomado em 8 de agosto/Prazo depende de negociação com grevistas/Universidade defende estrutura mínima para seu funcionamento O retorno às aulas na Universidade Federal do Paraná (UFPR), marcado para a próxima segunda-feira, será adiado em, pelo menos, uma semana. Este é o prazo que a comissão formada ontem, em reunião do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão, tem para negociar com os grevistas o mínimo de funcionamento da universidade. A comissão vai defender que voltem ao trabalho servidores de setores como laboratórios, bibliotecas, e de, pelo menos, um restaurante universitário. Ela vai se reunir hoje à tarde com o Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Terceiro Grau Público para tentar acordo. “Vamos ouvir a proposta deles, mas, provavelmente, não voltaremos a trabalhar. Como faremos greve se temos que colocar pessoal em todos esses setores? Eles têm que me ensinar a fazer greve desse jeito”, comenta o presidente ...

No dia 17 de julho, cerca de 120 docentes presentes na 56º reunião do Conselho Nacional de Associações Docentes (Conad) do Andes-SN votaram pela atualização do Caderno 2, que trata da proposta do Sindicato Nacional para a universidade brasileira. A concepção do Andes-SN sobre universidade está vinculada a um projeto de educação pública socialmente referenciada, com a produção do conhecimento voltada para quem, de fato, sustenta o ensino superior público no país: a classe trabalhadora. O Conselho tem como função aplicar as deliberações tiradas no último Congresso do Andes-SN, realizado em fevereiro deste ano, na cidade de Uberlândia. A necessidade de atualização do Caderno 2, devido às mudanças impostas para a universidade pública, serão discutidas nas assembleias das sessões sindicais e as contribuições serão encaminhadas ao 31º Congresso do Andes-SN, que acontece no início de 2012, em Manaus. A diretoria da APUFPR acredita que a reformulação do Caderno 2 é ...

Voltar