Reajuste zero em 2024 é inaceitável. Nossa greve segue forte!

GREVE novo - CARD VÍDEO LAFAIETE (1)

O Governo concedeu reajuste para várias categorias em 2024, mas, para os docentes das universidades federais, responsáveis pela produção da maior parte da ciência brasileira, o reajuste proposto neste ano ainda é zero. Por isso, mais de 60 universidades seguem em greve, lutando por salário justo, pela carreira e por recomposição orçamentária.

Depois da tentativa frustrada do golpe junto com o Proifes, impedida pela Justiça Federal, o Governo agora precisa reabrir as negociações. Por isso, a próxima segunda-feira (3 de junho) será um Dia Nacional de Luta da Educação Federal.
Seguimos na luta!

Ato em defesa da educação pública, em Curitiba

Data: 03/06 (segunda-feira)
Horário: 8h
Local: Praça Santos Andrade
Ponto de encontro da Educação Federal: próximo das escadarias e do INSS, em torno do carro do Sinditest-PR.


BOLETIM ELETRÔNICO


REDES SOCIAIS