Notícias Sindicais2019-02-17T23:58:29+00:00

Onze entidades nacionais (Andes, CNTSS, Condsef, CUT, Conlutas, Fasubra, Proifes, Sinal, Sindfisco Nacional, Sintbacen, Unacom Sindical) se reuniram nesta terça-feira (18/1) para discutir a unidade em torno de bandeiras de luta essenciais aos servidores federais. Todas foram categóricas em afirmar que a união de forças é essencial para derrotar projetos prejudiciais aos trabalhadores e serviços públicos. Alexandre Ferraz (Dieese) e Antônio Augusto Queiroz (Diap) fizeram exposição sobre o atual cenário político. O recado foi dado: o governo quer aprovar pautas perigosas e desfavoráveis e a categoria precisa estar preparada para virar o jogo. Os eixos de campanha apresentados pela Condsef foram bem recebidos e nos próximos dias devem ser discutidos pelas bases das demais entidades. Na quarta, 26, haverá nova reunião que define a pauta unificada dos federais. Será agendada ainda a data para o lançamento da Campanha Salarial 2011 apontada para a 2ª quinzena de fevereiro. Três foram as ameaças centrais indicadas por ...

Nos dias 27 e 28 de maio, acontecerá o Encontro de Saúde Coletiva: Concepção e Ação, no auditório do Setor de Ciências da Saúde, no Centro, promovido pelo Núcleo de Estudos de Saúde Coletiva da UFPR (NESC-UFPR). A APUFPR-SSind apóia o evento que tem como objetivo discutir o campo da saúde coletiva e a saúde do trabalhador. O encontro também debaterá uma ação coletiva contra os agrotóxicos no Paraná. As inscrições devem ser feitas pelo site www.encontrodesaudecoletiva.com. As vagas são limitadas.   Serviço:Dia 27 de maio de 2011 (sexta-feira):19:15h – Abertura19:30h – Mesa Redonda: Ação Coletiva contra os Agrotóxicos no ParanáRoberto Baggio – Coordenação do MST/Campanha Nacional Contra os Agrotóxicos e pela VidaSaint-Clair – Ministério Público Estadual/Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça de Proteção ao Meio AmbienteRaquel Maria Rigotto – Universidade Federal do Ceará/Depto. de Saúde Comunitária20.30h – Debate e Encaminhamentos21:30h – Momento de Integração: coquetel Dia 28 de maio de 2011(sábado)9:00h – ...

Cerca de 300 pessoas participaram, no dia 13 de maio, da cerimônia de posse da nova diretoria da APUFPR-SSind. A chapa “APUFPR Autônoma e Democrática”, presidida pelo professor Luis Allan Künzle, foi eleita com um total de 526 votos e permanece à frente da entidade durante a gestão 2011-2013. A cerimônia de posse foi conduzida pela presidente da gestão 2009-20011, professora Astrid Avila, pelo representante do Sindicato Nacional, Claudio Tonegutti, e pelo novo presidente eleito. Antes de empossar os 12 membros da nova diretoria, Avila fez um balanço da gestão anterior, destacando o processo de reconstrução administrativa, política e associativa do sindicato. “Encerramos essa gestão bastante cansados, porém com a sensação de trabalho realizado. Cumprimos uma a uma as metas com que nós comprometemos durante a campanha e realizamos outras ações que descobrimos serem necessárias no desenrolar da gestão”, avaliou. Em seu discurso de posse, Künzle relembrou os eixos que compunham o programa político da ...

Na próxima quarta-feira, dia 25 de maio, Curitiba vai participar do Dia do Desafio. O evento, que é realizado anualmente na última quarta-feira do mês de maio, faz parte de uma campanha internacional de incentivo à prática regular de atividades físicas e à promoção da qualidade de vida e do bem-estar. A data surgiu no Canadá, em 1983, como uma forma de tirar as pessoas do sedentarismo durante o inverno. O evento propõe que as pessoas interrompam seus afazeres rotineiros e pratiquem, por pelo menos 15 minutos consecutivos, qualquer tipo de atividade física. Em 2010, mais de 790 mil curitibanos participaram de alguma atividade física do Dia do Desafio. Atividades oferecidas pela APUFPR-SSind A APUFPR-SSind relembra seus associados sobre as atividades oferecidas permanentemente na sede da entidade, com o objetivo de incentivar uma prática diferenciada de lazer para os docentes, voltadas para a consciência corporal e para o desenvolvimento integral das potencialidades humanas. Na sede da entidade em ...

Cerca de 600 professores compareçam as urnas na última terça-feira (03) para eleger a nova diretoria da Associação dos Professores da UFPR. A chapa “APUFPR Autônoma e Democrática”, presidida pelo professor Luis Allan Künzle, foi eleita com 526 votos, de um total de 596 eleitores que participaram do processo eleitoral. A chapa eleita permanecerá à frente da entidade entre os anos de 2011 e 2013. A cerimônia de posse será realizada no dia 13 de maio, na sede da Associação dos Professores. Apesar de a disputa eleitoral contar com apenas uma chapa, a participação dos professores foi expressiva e manteve o padrão dos anos anteriores.  Cerca de 20% dos docentes filiados ao sindicato compareceram a uma das 18 urnas distribuídas em todos os campi da UFPR para registrar seu voto. A participação foi mais expressiva entre o segmento dos professores que estão em sala de aula. Cerca de 28% dos docentes em atividade compareceram ...

No dia 28 de abril, centenas de pessoas protestaram, no Centro de Curitiba, contra a votação do projeto de lei que trata do novo Código Florestal, relatado pelo deputado federal Aldo Rebelo. A manifestação contou com o apoio de inúmeras entidades ligadas aos movimentos sociais e ambientais, além de estudantes, religiosos e partidos políticos. O movimento intitulado Movimento SOS Florestas PR ser reuniu na Praça Santos Andrade, por volta das 17h, percorreu a Rua XV de Novembro e terminou com um abraço simbólico na Praça Osório. Para o Movimento, a proposta do novo Código representa um conjunto de medidas que flexibilizam a proteção à florestas e nascentes. “O projeto propõe um enfraquecimento da lei atual para favorecer um determinado setor da sociedade que não cumpre a legislação. Ao invés de fortalecer as leis de preservação, o PL vem no sentido contrário”, coloca o diretor cultural da APUFPR-SSind, Rodrigo Rossi Horochovski. Código Florestal “O Código ...

A docente Cecília Maria Vieira Helm, professora aposentada do Setor de Ciências Humanas Letras e Artes da UFPR, terá a honra de assumir a cadeira nº 39 da Academia Paranaense de Letras. A sessão solene de posse da nova Acadêmica acontece nesta segunda-feira (02), às 19h30, no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Paraná, localizado na rua Brasilino Moura, 253 – Ahú. O discurso de saudação será realizado pelo Acadêmico Carlos Roberto Antunes dos Santos, que foi presidente da APUFPR-SSind na gestão de 1981-1983. ...

Na próxima terça-feira, dia 3 de maio, serão realizadas as eleições para escolha da nova diretoria da Associação dos Professores da UFPR, que conduzirá a entidade no biênio 2011-2013. As eleições acontecem ao longo do dia 3 de maio, com urnas em todos os campi da Universidade Federal do Paraná. Para votar, o docente deverá estar filiado à APUFPR-SSind há pelo menos dois meses. Aposentados A APUFPR reforça a informação de que os docentes aposentados filiados à APUFPR devem realizar sua votação no hall de entrada da Reitoria. Chapa inscrita A chapa “APUFPR Autônoma e Democrática”, presidida pelo professor Luis Allan Künzle, cumpriu os prazos para inscrição e concorre ao pleito como chapa única. A chapa é formada por 12 professores, de nove setores da Universidade, incluindo os campi afastados de Palotina e Litoral. Entre as propostas do grupo estão a luta pela implantação do Plano de Carreira e Cargo de Professor Federal, aprovado no 30º Congresso do ...

A diretoria da APUFPR-SSind e a assessoria jurídica da entidade estiveram reunidas com os docentes da UFPR que atuam no campus Palotina, no dia 18 de abril, com o objetivo de levantar os problemas enfrentados pela categoria nesse local de trabalho e esclarecer dúvidas colocadas anteriormente pelos professores em relação a questões jurídicas. Alguns docentes reclamam da sobrecarga de trabalho por estarem a pouco tempo no quadro da instituição e possuírem tratamento diferenciado devido ao seu ingresso através do REUNI. A assessoria jurídica do sindicato realizou debate com cerca de 20 professores sobre assédio moral e discutiu quais serão as medidas cabíveis para os casos. A APUFPR-SSind já produziu uma cartilha que debateu, exclusivamente, a questão do assédio moral na Universidade e diagnosticou que o problema tem crescido entre a categoria docente nos últimos anos. Para além disso, o sindicato acompanha as denúncias feitas pela categoria afim de aprofundar o debate sobre ...

Voltar