A universidade foi à rua no segundo dia da Greve 48H

A universidade foi à rua no segundo dia da Greve 48H

2019-10-10T17:43:08+00:0008 outubro 2019|

O segundo dia da Greve Geral da Educação 48H foi marcado por ações conjuntas entre professores, técnicos administrativos e alunos da Universidade Federal do Paraná (UFPR), nesta quinta-feira (3). A ação coletiva resultou em um corredor de cartazes e banners na rua XV de Novembro que levou à população um pouco do conhecimento compartilhado dentro das salas de aula.

A APUFPR estive presente na ação que chamou a atenção de quem passava pela movimentada Rua XV. Professores de vários departamentos e alunos de diversos cursos participaram da mobilização que também busca a aproximação da população com a Universidade.

Na Praça Santos Andrade, no período da tarde, o professor Ricardo Costa de Oliveira, do Departamento de Sociologia, conduziu uma aula pública em defesa da autonomia da universidade federal e contra o desmonte da educação. A secretária geral do Sindicato dos Petroleiros do Paraná e Santa Catarina (Sindipetro PR e SC), Anacélie de Assis Azevedo, também participou do ato em nome dos trabalhadores petroleiros, que também enfrentam a grave ameaça de privatização da Petrobrás.

A Greve 48h foi encerrada em um grande ato público na Praça Santos Andrade.

A paralisação foi concluída nesta quinta-feira (3), mas a mobilização continua! Precisamos da sociedade ao nosso lado. Essa luta é de todos!

Confira o vídeo com a cobertura do segundo dia da Greve Geral 48H:

A universidade foi à rua no segundo dia da Greve 48H

❗ No segundo dia da Greve 48H, a UFPR foi à rua! ✊✊ Em ato conjunto, membros das três categorias criaram um corredor de cartazes na Rua XV de Novembro para mostrar à população a importância do conhecimento produzido pelas universidades federais:

Publicado por APUFPR-SSind – Associação dos Professores da UFPR em Segunda-feira, 7 de outubro de 2019