APUFPR promove live com debate sobre os riscos da automedicação e subnotificação na pandemia

apufpr-live-automedicação-1280x1280.jpg

A APUFPR promove uma transmissão ao vivo (live) na próxima quarta-feira (20), às 14 horas, que debaterá os riscos da automedicação e da subnotificação na pandemia da Covid-19.

A Covid-19 é uma doença cuja única forma de prevenção é a higiene e o distanciamento social, e não há remédios descobertos que sejam completamente eficazes para combatê-la.

No entanto, diversas fórmulas “mágicas” surgem, prometendo prevenção ou cura dos sintomas da doença. Os casos de charlatanismo crescem de forma perigosa no Brasil.

Ao mesmo tempo, existe a estranha (e suspeita) insistência de autoridades para que medicamentos sem eficácia comprovada sejam adquiridos com recursos público para serem distribuídos em larga escala. Esse comportamento induz muitas pessoas à automedicação, e isso é extremamente perigoso.

A live será mediada pela diretora social da APUFPR, Sandra Mara Woranowicz Barreira. Participarão Tarcísio José Palhano, assessor da presidência do Conselho Federal de Farmácia (CFF), o professor da Universidade Federal de Sergipe (UFS) Wellington Barros da Silva, e a presidente do Conselho Regional de Farmácia do Estado do Paraná (CRF-PR), Mirian Ramos Fiorentin.

 

Serviço:

Live: Riscos da automedicação no contexto da Covid-19 e Subnotificação de casos da pandemia no Brasil.

Data: 20/05 (quarta-feira)

Horário: 14 horas

Participantes:

Tarcísio José Palhano – Assessor da Presidência do Conselho Federal de Farmácia (CFF)

Wellington Barros da Silva – Professor da Universidade Federal de Sergipe (UFS)

Mirian Ramos Fiorentin – Presidente do Conselho Regional de Farmácia do Estado do PR (CRF-PR)

Mediação: Sandra Mara Woranowicz Barreira (APUFPR)

Fonte: APUFPR


BOLETIM ELETRÔNICO


REDES SOCIAIS