A violência está presente em praticamente todos os espaços da sociedade. Mas os casos de violência no ambiente escolar assustam ainda mais.

Conheça no capítulo de hoje a pesquisa conduzida pela docente do departamento de Psicologia da UFPR Graziela Lucchesi, que surgiu de uma proposta interinstitucional para discutir a violência que se manifesta na escola, e pensar as possibilidades que a Psicologia Escolar pode fornecer para enfrentar esse problema.

Nesse ambiente, a violência se transforma em uma forma de expressão diante dos problemas estruturais e dos limites impostos pelo modelo escolar.

Em decorrência desta pesquisa, uma outra foi desenvolvida para estudar as bases materiais da violência e desenvolvimento da personalidade, analisando diferentes facetas da violência (gênero, arte e ditadura, Estado), mas entendendo que essa violência é parte estrutural dessa sociedade em que vivemos.